terça-feira, 26 de agosto de 2008

Não quero ser especial

Já perdi a conta do tanto de vezes que me disseram que eu sou especial. Aliás, se eu ganhasse um real a cada vez que ouvi isso, eu já estaria rica a longgggggggggg time ago. Fato é que sou diferente mesmo, e não sei se isso é bom ou ruim. Porque as vezes assusto, noutras aproximo, o fator comum disso tudo é que todos eles vão embora.
E depois, voltam, com cara de fofo pra me dizer o quanto sou especial e diferente de tudo aquilo que eles viveram e o quanto transformei a vida deles -bocejos - e que me querem por perto pra sempre. Oi? Eu não quero estar na sua vida pra sempre, muito menos transforma-la, não quero que você me ache especial, diferente ou qualquer coisa que o valha. Quero só que quem entrar na minha vida, não fuja. Não suma. Não confuda as coisas. Não atropele as situações. Quero fazer parte da sua vida e nao modifica-la. Quero adaptações. Eu me adapto a seu modo diferente de viver e você ao meu modo envolvente de viver. E fim. Podemos juntos aprender uma nova lingua. Ou pintar a parede do meu quarto. Ou beber cerveja no boteco do lado da sua casa. Podemos contar um com o outro. Contar aquela piada escrota que ninguém acha graça, mas que no fundo é muito engraçada.
Não quero que você me diga o tanto que sou especial, bacana. Pra amanhã você chavecar outra na minha frente. Lógico, que enquanto não houver compromisso não existe fidelidade. Ok. Mas não é o compromisso que define o respeito e a consideração. Quero de você a consideração que se espera de um amigo. Eu sei que não sou muito boa de mexer. Pra me ser uma bela flor que se cheire eu ainda tenho que melhorar muito. Sei que sou confusa. Sei que as vezes falo demais e peco por isso. Sei de todos esses detalhes que configuram minha personalidade. Só não venha perguntar da minha vida se não vai querer fazer parte dela.
Não sei se já falei aqui - mas já devem ter notado - mas eu sou uma pessoa amarga. Algo em mim se perdeu, e eu não saberia definir o que é, depois disso, não soube recuperar esse 'algo'. Não pessimista, mas amarga. não depressiva, embora ocasionalmente deprimida. só... amarga.
Desiludida e ao mesmo tempo sonhadora. Traumas. Um coração cansado. Corações de 20 anos não deveriam estar cansados. Idealizo pessoas, mas sempre tenho a realidade segurando meus pés. E pessoas quando são desconhecidas são pior ainda. Talvez, esse idealismo barato e cafona é o que me faz sobreriver meus dias.
Tenho medo de sair voando e me perder. Tenho medo de fincar os dois pés no chão e não me perder. Quero loucuras. Anseio por intensidade. Mas não aquela que só dura uma noite. Não quero mais uma madrugada, quero uma semana. Um mês, quem sabe até mais. Quero uma linguagem própria, nossa. quero que meu coração bata tão rápido e tão forte que eu ouça ele batendo quando você chegar perto. Quero que o sangue volte a colorir minhas bochechas. Quero andar por caminhos diferentes ao invés de continuar fugindo pelo buraco que você deixou quando foi embora. Quando entendeu tudo errado. Quando se achou o ultimo cara da face da terra. Quero muito ter coragem o suficiente pra quando te encontrar - porque eu sei que vai ter outra vez - pra te dizer que não. Hoje não. O que você pode me oferecer é muito pouco. E muito pouco não faz mas sentido. Não mais. Idai se eu confundi as coisas? Idai se já foi conversado? Eu não quero mais conversas. Conversas são desgastantes e muito rigidas. Não quero cumprir regras.
Quero coisas diferentes, quero envolvimento. Quero mudar. Mudar é como arrumar as malas e sair de casa sem pegar dinheiro. Exige tempo, coragem e saco.
Claro que não é assim também, quero mudar. Mas gosto de algumas coisas em mim, que não precisam ser mudadas. Gosto de ter cabelo comprido, personalidade forte, pés pequenos e até mesmo desse escudo natural que tenta me fazer parecer inquebrável, não nego. Só que falta paciência, dentes mais brancos, boa vontade, 10 kg a menos, simpat… ah, essas coisas, detalhes.
Sou humada, e acontecem alguns erros de percuso, magouo os outros sem querer, eu brigo, perco a cabeça, falo sem pensar, penso sem falar, choro no cantinho, acredito no amor. Não é por mal, não é pra fazer doer. Pode ser que seja essa coisa toda de querer ser ímpar o tempo todo.

Eu quero mudar. Não necessariamente pra melhor, eu sei, mas desde já evitando cair no pior.
Ninguém disse que seria fácil.
Só não me prive de tentar.
E, hoje, qualquer coisa que remete a você não me faz bem. Não me traz paz. Me deixa confusa e eu não quero mais confusões. Quero resolver os problemas. Não quero mais frases atravessadas e um imenos ponto de interrogação na minha testa. Não quero sentir um aperto a cada vez que voce vai chavecar outra na minha frente, como se fosse normal. Não é normal. Não no meu mundo. Eu sempre soube que ia ser assim, e nunca imaginei que fosse diferente. Embora, devo admitir, que uma partezinha de mim sempre esperava que talvez, por um acaso, de vez em quando você pensasse em mim sem motivos. Ou então, que se encantasse. hohoho, quanta pretensão a minha, né? O problema não está em mim, está em você. Porque sim. Já passei muito tempo querendo que isso fosse diferente, mas na verdade. Eu sei que so mereco mais. eu sei que tem muita gente que me trata muito melhor, e que queria que eu gostasse deles tanto quanto eu gosto de voce. Ou talvez, isso seja culpa do orgulho, daquela de não querer perder sabe? Além do mais, talvez seja culpa sua. Que de santo não tem nada e também contruiu castelos, pra depois derrubar tudo. Porque é bem mais fácil.
Aliás, queria que 'já foi conversado antes' valesse pra você também.


e assim vão os dias, vazios e compridos.

3 comentários:

Amanda disse...

nem preciso falar oq eu penso sobre tudo isso né?!
Oi? eu? hahaha.. te amo!

Cáspio disse...

heeey

http://mentordigital.blogspot.com/

post útil lá
;]

Jessika disse...

Perfect!
Por mais que o mundo seja enorme, que nosso País seja enorme, que cada pessoa tenha vidas distintas... ainda assim existem pensamentos e coisas q nos acontecem parecidas.. neste seu pensamento por exemplo, me identifiquei, mtas coisas, nao tudo! Parabéns, vc ao menos expressa isto aqui...

Copiei seu primeiro parágrafo, se nao for mtu abuso... rs Gostei de mais!

Sucesso girl!

Se tiver orkut me add : irá econtrat como Ïka Antunes inté bjs